MAD ABOUT!

MadMen_Splash_v2_home_05

Eu nasci nos anos 60 mas adoraria já ter sido adulta naquela década. Como eu amo as músicas, a moda, o design e toda a estética dessa época, sem falar que mundialmente foi socialmente revolucionária e evolucionária.

Acabo de ver um mimo que adoraria ganhar nesta Natal: a trilha sonora completa em LP e um toca discos portátil da série Mad Man. Bom, simplesmente meu objeto de desejo desde a infância com a minha companheira vitrolinha Sonata que carregava até pra praia. Sem contar com a trilha incrível de todas as temporadas que podemos ouvir neste link compilado abaixo:

DOLCE & STUPENDO

Maravilhoso! Scarlett Johansson (maravilhosa!) e Matthew McConaughey (incrível!) protagonizam a nova campanha publicitária da fragrância The One, de Dolce & Gabbana, dirigidos por, nada mais nada menos que, Martin Scorsese (espetacular!).

Com o título “Street of Dreams” (Rua dos Sonhos), o comercial foi todo gravado em Nova York, todo em preto e branco, tem um ar vintage 60’s e mostra os astros de Hollywood em um contexto superchique, um pouco melancólico e cheio de closes e diálogos. Uma celebração da paixão, de beleza e de ser único.

E para arrasar mais ainda, tem na trilha sonora a diva italiana Mina com “Il cielo in una stanza”.

Arrasou!

Matthew diz: “Acho que vi você numa revista. Você parecia feliz”. “Numa gôndola?”, ela responde. “Não, do lado de fora de uma catedral”. “Eu estava atuando”, diz Scarlett…

HAWAIIAN MEN

E começou a sexta temporada de Mad Men. No primeiro episódio, Don e Megan bronzeados, estão em férias no Hawaii e toda a direção de arte e cores foram inspiradas no filme “Blue Hawaii (1961)” de Elvis Presley, música acima que veio no final do episódio. Adoro! Lindo! Filminho água com açúcar com todo aquele glamour arrumadinho impecável do começo dos anos 60, além do charme do rei (tenho até esse filme em DVD). Embora tenha achado este primeiro episódio médio, comparado ao começo das temporadas anteriores, tudo indica que vamos ter um final inesperado para o atormentado e mulherengo Don Draper. Vem aí mais algumas semanas pra não parar de fazer downloads!

59704_10152738485480327_1892833754_n

388623_10152738812345327_2085064384_n

12511_10152741871035327_1732803149_n

OSCAR DA ARQUITETURA

Morreu Oscar Niemeyer aos 104 anos. Foi o grande, o maior, o melhor (não gosto de tudo exatamente, mas isso é um outro capítulo…) nome de arquiteto do Brasil. Imprimiu marca. Fez marca. Exportou a marca. Foi um marco. Marcou. Marcou o Brasil dos anos 50 e 60, anos dourados e conturbados. Continuou marcando nas décadas de 80, 90 e nunca parou. Só parou agora. Mas vamos combinar, como você viveu, hein seu Oscar?

Mandou muito bem!

Oscar Niemeyer com Vinicius de Moraes, sua mulher, Lila, e Tom Jobim

tumblr_m9wcrd1uSU1qeafkyo1_1280

CUORE ITALIANO

Hoje me deu vontade de postar essas musiquinhas 60s italianas. Esse tipo de som também rolou nessa mesma época aqui no Brasil com “Roberto Carlos em Rítmo de Aventura”, Erasmo Carlos, Antonio Marcos, até Fevers. Uma mistura brega e pop que poucos entendem para chegar a apreciar. E em italiano fica mais interessante ainda. E como tema, sempre il cuore.

É tão ruim que é bom!


Essa tirei de uma cena do filme “La Mala Educación” de Pedro Almodovar. A pior!


Essa eu adoro! Adoro Rita Pavone e sua doce e amarga entrega para a letra.


Essa é chic! Mina é incrível, todas as músicas!

ANDIAMO INDIETRO!